sábado, 17 de outubro de 2015

Uma história que envolve magia...

                                                                    Sanhaço cinzento
 
 
UMA HISTÓRIA QUE ENVOLVE MAGIA
 
 
 
Há duas semana eu estava indo trabalhar às 7:30 da manhã quando uma revoada de passarinhos sobrevoou minha cabeça. Um dos passarinhos se desequilibrou, esbarrou em mim, bateu no vidro do restaurante onde eu estava passando e caiu. Peguei o pequeno passarinho na mão, o acariciei, conversei com ele e o carreguei comigo a caminho do trabalho.
 
O passarinho era de uma espécie diferente que eu nunca tinha visto. Tinha o tamanho de um pardal, mas era cinzento e com asas esverdeadas. Pesquisando na internet descobri que se tratava da espécie "sanhaço cinzento" (foto).
 
O passarinho se agarrou ao meu anel, e ficou quietinho na palma da minha mão até que cheguei a uma loja que ficava em frente ao veterinário. Pedi a uns rapazes para que cuidassem dele até o veterinário abrir caso ele não reagisse e voasse logo.
 
Quando saí do trabalho, passei na loja e fui informada de que ele havia ficado bom e saiu voando como se nada tivesse acontecido.
 
Hoje eu estava lendo na minha cama com a janela aberta. De repente, um passarinho da espécie sanhaço cinzento, idêntico ao passarinho que eu acudi, pousou na minha janela e permaneceu me olhando por 1 minuto. Cheguei bem pertinho dele, e ele me olhou sem se assustar. Minha gata - que sempre fica elétrica quando vê um passarinho -, ficou quieta do meu lado, olhando o pequenino sem se mexer.
 
Acho praticamente impossível que se trate do mesmo passarinho, mas a situação toda me intrigou e me pareceu muito mágica. Como sou uma pessoa que acredita 100% em magia, sorri, agradeci a minha boa sorte, e orei ao Universo para que eu conseguisse interpretar direito o sinal que recebi.
 
 
- Tamara Ramos
em 17/10/15

0 comentários: