terça-feira, 6 de outubro de 2015

Sob o signo da serpente


 
Nasci sob o signo da serpente de fogo que habita o deserto.
 Sempre atenta às coisas da terra, sou o enigma do ciclo chinês.
Posso rastejar sozinha sem sua ajuda.
Posso chegar ao topo sem avisar você.
 
Uma serpente vai pensar muito antes de agir.
 (Ela deveria ser a protetora dos escritores...).
Geralmente sua vingança é o afastamento e a indiferença.
Quando uma serpente é ferida ela retorna ao deserto.
E dificilmente será capturada outra vez. 
 
Tamara Ramos

0 comentários: