sábado, 22 de agosto de 2015

Meus escritos de outono...

 
 

"Caminho devagar e me aproximo das caixas lacradas. Meus livros, minhas histórias, minha vida sem mim. Queria escalar a montanha mais alta do mundo e voar. Queria que em mim nascessem asas de cera, tão grandes quanto a ingenuidade de Ícaro. Queria que em mim houvesse um impulso mais forte que o instinto. Queria mergulhar no mar do Japão e ser resgatada pelo Buda das minhas histórias. Queria revelar os segredos que tranco às sete chaves. Queria dizer às pessoas o que eu realmente penso delas. Queria ir dez vezes além. Fiquei tentada a abrir uma caixa. Gostaria de rever a capa de ao menos um dos meus livros para ter certeza de que ele ainda possuía todas as cores que me escaparam."
 
Trecho do livro "Escritos de Outono"
de Tamara Ramos
Disponível em e-book pela Amazon      


0 comentários: