domingo, 7 de junho de 2015

Escritos de Outono - Disponível em e-book pela Amazon

 
"Pedaços de mim se soltam como folhas mortas desse outono frio que se instalou depressa por toda cidade. Penso na maldita paixão que me botou nessa encruzilhada e sinto raiva de mim mesma pela ingenuidade infantil das minhas crenças. Quem definiu que palavras são formas de arte? Quem disse que literatura é expressão artística? Às vezes me pergunto se isso tudo não é apenas uma desculpa esfarrapada para se desabafar em formato impresso."
 
Trecho de "Escritos de Outono", de Tamara Ramos.

0 comentários: